A história de uma Consagrada - O chamado de Deus foi mais forte

Artigo Vocacional 003

Irmã Rosenette Vieira, tem 42 anos, é a segunda filha de oito irmãos. Sua família sempre participou da igreja e sempre a apoiaram em sua vocação. Tem duas tias religiosas consagradas, Irma Inês Marcos e Irmã Maria Marcos, hoje em memória, ambas falecidas em acidente automobilístico, e que a davam um belo testemunho de vida e vocação.

Sempre teve contato com as irmãs que acompanhavam a catequese e também sua família tinha um carinho especial pelas irmãs, seu pai prestava serviço e ajuda, tendo assim um contato próximo. 

A presença das irmãs e seu estilo de vida lhe chamava a atenção. Começou a participar dos encontros vocacionais e cursou o magistério junto com algumas aspirantes. 

No dia 11 de fevereiro de 1996, entrou no aspirantado na cidade de Enéas Marques – PR. Sua irmã mais nova, Margarida Vieira, hoje também irmã da congregação, entrou no ano seguinte.  Fez o postulando e o noviciado em Toledo – PR. Professou os votos temporários em 04 de fevereiro de 2001, na cidade de Santa Izabel do Oeste – PR, e os votos perpétuos, no dia 15 de janeiro de 2007 em Enéas Marques. Neste dia sentiu muita alegria em seu coração pelo seu sim.

Durante a sua caminhada vocacional e também depois dos votos, teve momentos de crise e dificuldade em relação a vocação, mas o chamado de Deus foi mais forte em sua vida. Durante um período de grande dúvida vocacional, sua irmã mais nova estava se preparando para realizar seus votos perpétuos e antes disso iria realizar um retiro, então ela participou também. Este período de retiro foi muito decisivo, e ela decidiu continuar na vida religiosa. No dia dos votos de sua irmã, fez de novo em seu coração a renovação de seus votos. 

Sempre gostou de trabalhar com os doentes. Trabalhou por alguns anos em um abrigo de hansenianos no estado do Pará. Em 2014 foi para a missão além-fronteiras em Angola, na África. Sempre teve o desejo de ajudar os mais pobres e necessitados, e também o sonho e vontade de ir em missão. Na Angola atua na paróquia, na pastoral da criança, catequese, liturgia e aldeias onde levam medicamentos básicos para as pessoas. Lá as irmãs também atuam com um projeto de contra turno escolar, onde as meninas aprendem valores humanos e cristãos. Há seis anos que esta nesta missão. No momento esta de férias aqui no Brasil e se preparando para retornar no início de agosto. 

Post. Daniella Gallert - Congregação das Pequenas Irmãs da Sagrada Família

 
Indique a um amigo
 
 
Artigos Relacionadas

Notice: Undefined property: stdClass::$categoria in /home/crbprbr/public_html/pg/post2.php on line 167

Notice: Undefined property: stdClass::$id in /home/crbprbr/public_html/pg/post2.php on line 167