NÚCLEOS DA REGIONAL DE CURITIBA

História dos Núcleos

CRB - REGIONAL CURITIBA 

01. NÚCLEO DE APUCARANA
O nascimento do núcleo da CRB de Apucarana deu-se por volta do ano de 1980. Não foram encontrados os registros oficiais. Ao longo desta história, os encontros promovidos pela CRB local tem sido de grande importância para a vida Religiosa. Atualmente o núcleo conta com 10 comunidades religiosas e reúne-se três vezes ao ano para estudos e lazer.  

02. NÚCLEO DE CAMPO MOURÃO
Os religiosos e religiosas de Campo Mourão começaram  reunir-se mensalmente e , de forma espontânea, desde agosto de 1964, para aprofundar temas sobre liturgia, votos e estudar documentos do Concilio Vaticano II. Um aspecto interessante é que neste tempo neste tempo os religiosos/as reuniram-se até três dias seguidos para estes estudos.
O núcleo de Campo Mourão foi criado oficialmente no dia 06 de agosto de 1968 numa reunião de religiosos/as da Diocese. Neste dia esteve presente o presidente da CRB regional. Foi escolhido como primeiro diretor do núcleo, o Pe. Guilherme Warmenhoven, vigário de Peabiru, uma das paróquias da Diocese. A partir de 1975 os/as Religiosos/as começaram a reunirem-se quatro vezes ao ano. No entanto, desde o início constatou-se uma grande laguna da vida religiosa masculina, atualmente os encontros promovidos pela CRB local busca ser um espaço de reflexão e partilha a luz das propostas da CRB Regional em consonância com o projeto da CRB Nacional.

03. NÚCLEO DE CASCAVEL
No dia 30 de maio de 1975 reuni-se pela primeira vez o núcleo de Cascavel, como extensão do núcleo de Toledo. O primeiro encontro dos Religiosos aconteceu em 15 de junho do mesmo ano. Em vista da criação da Diocese de Cascavel, no dia 8 de agosto de 1977, na cúria diocesana aconteceu uma reunião com religiosos/as de diversas comunidades, visando pensar a organização de um núcleo da CRB na região de Cascavel. Indicou-se uma diretoria provisória em 20 de outubro do mesmo ano, no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora aconteceu o primeiro encontro de formação, onde foi oficializada a criação do núcleo de Cascavel, elegendo-se a primeira equipe de coordenação da CRB local. Em 1979, o núcleo teve a primeira vista do presidente e da secretária da Regional de Curitiba, os quais animaram o estudo do Doc.  Puebla, partilharam da caminhada da CRB Nacional e regional. Atualmente o núcleo conta com 20 congregações religiosas e institutos de vida consagrada que atuam na educação, saúde, pastorais e obras sociais.

04. NÚCLEO DE CORNÉLIO PROCÓPIO
O núcleo Cornélio Procópio surgiu em 1º de maio de 1975, a partir da convocação do bispo Diocesano Dom José Joaquim Gonçalves e o incentivo da CRB Regional. Nesta ocasião residiam na diocese 81 religiosos/as. O núcleo conta com 10 congregações. Os religiosos/as reúnem se quarto vezes por ano para estudos, momentos de espiritualidade, celebração da caminhada, confraternização e partilha de vida.

05. NÚCLEO DE FOZ DO IGUAÇU
O núcleo da CRB de Foz do Iguaçu foi fundado em 1º de maio de 1979. Nos primeiros anos realizavam-se três encontros anuais com temas pertinentes à Vida Religiosos, à missão e à realidade sócio pastoral. A partir de 1997 reestruturou-se a dinâmica dos encontros. O núcleo foi dividido em duas áreas, as quais organizam alguns encontros segundo a realidade de cada área... Manteve-se dois encontros anuais em nível de diocese, sendo um para estudo e outro para avaliação, celebração e confraternização. Atualmente o núcleo conta com a presença de 13 congregações femininas . Há também 01 congregação masculina.

06. NÚCLEO DE GUARAPUAVA
O núcleo da CRB da Diocese de Guarapuava surgiu em 1968. Foi, inicialmente, articulado pelos padres Verbitas e pelo Bispo Dom Frederico Helmel. Naquela época havia na Diocese 65 Irmãs do rito latino e 110 do rito Ucraniano.  Os religiosos/as atuam em 53 comunidades. O núcleo está estruturado em 4 subnúcleos, agrupando os religiosos/as por regiões próximas. Os subnúcleos são: Guarapuava, Laranjeiras, Pinhão e Pitanga. Os encontros de formação promovidos pela coordenação local são muito participativos, animados e tem priorizado os temas de reflexão dos marcos da CRB Regional.

07. NÚCLEO DE LONDRINA
O núcleo da CRB de Londrina foi criado em 16 de novembro de 1969 com o incentivo e a presença do secretario executivo da CRB Regional, Ir. Dorval – Marista. O núcleo contava com a presença de 227 religiosos/as de 42 congregações. Sendo 21 congregações masculinas com um total de 93 religiosos e 21 congregações femininas com um total de 134 religiosas. Os/as religiosos/as exercem diferentes atividades marcando presença nas escolas, obras sociais, pastorais, etc. O núcleo é também era enriquecido com a presença de 21 casas de formação. Atualmente com a diminuição dos religiosos e religiosas o número diminuiu consideralvemente, porém a VRC continua atuante e dinâmica naquilo que compete no anúncio do Evangelho.

08. NÚCLEO JACAREZINHO
O núcleo de Jacarezinho foi fundado aos 2 de novembro de 1974. Desde a sua origem, os bispos foram grandes incentivadores da Vida Religiosa Consagrada. 
Muitos religiosos e religiosas seguindo os impulsos do evangelho vieram a estas terras, para dedicar-se a educação, obras sociais, pastorais, entre outros serviços junto à comunidade. Este exemplo deixou marcas neste povo que sempre teve o respeito e admiração pelos membros da Vida Consagrada. Agradecemos pelo testemunho de vida, a evangelização realizada e por tantas vidas acolhidas e protegidas, proporcionando a dignidade essencial de cada ser humano. Louvemos a Deus por este núcleo ter atualmente 16 congregações masculinas e femininas e 05 comunidades de vida, que mostram por meio de seu testemunho de consagração o amor ao próximo e a Igreja local.

09. NÚCLEO DE MARINGÁ
O núcleo de Maringá surgiu em 15 de abril de 1971. Na Arquidiocese de Maringá, somamos aproximadamente 120 religiosos e religiosas: Irmãs, Irmãos e Sacerdotes presentes em várias comunidades, nas quais, exercemos, segundo o carisma de nossas Congregações, o nosso apostolado na evangelização, na educação, na saúde e nas obras de assistência social nas cidades de Floresta, Itambé, Jandaia do Sul, Mandaguaçu, Mandaguari, Marialva, Maringá e Nova Esperança.
Esses religiosos e religiosas estão presentes nesta Igreja particular, antes mesmo que Maringá fosse Diocese. Em 1952 chegou a primeira Congregação: Irmãs Carmelitas de Vedruna, seguida pelos Irmãos da Misericórdia de Maria Auxiliadora, Padres Jesuítas (não mais na Diocese), Irmãs Missionárias do Santo Nome de Maria, Irmãs Vicentinas, Murialdinas, Religiosas da Instrução Cristã, Apóstolas do Sagrado Coração de Jesus, Irmãs Batistinas, Irmãs Passionistas, Irmãs dos Santos Anjos Custódios, Irmãs Franciscanas da Sagrada Família, Irmãzinhas da Imaculada Conceição, Congregação das Filhas de Sant’Ana, Sociedade do Apostolado Católico, Agostinianos, Padres Cavanis, Irmãos Maristas, Sociedade dos Sacerdotes de São Tiago e Fraternidade São Francisco de Assis, e por último as Servas Adoradoras da Misericórdia.
Como Vida Religiosa Consagrada, desejamos ser com dos demais membros do Corpo Místico de Cristo, uma Igreja sinodal, a fim de contribuir com a Arquidiocese: a esperança alimentada pela fé com o ardor do evangelho para viver nossa missão e serviço com humildade, simplicidade, comunhão fraterna e testemunho profético, visibilizados pela beleza dos nossos carismas.

10. NÚCLEO DE PARANAGUÁ
O núcleo da CRB de Paranaguá iniciou a sua caminhada em 02 de setembro de 1984. Este núcleo é composto por 14 congregações que procuram marcar presença solidaria junto ao povo simples do litoral do Paraná, partilhando da riqueza dos carismas. Queremos agradecer a toda a vida religiosa consagrada que se faz presente junto a população que se encontra no litoral do paraná, onde alguns locais  são verdadeiros espaços de missão e evangelização onde se encontra um povo lutador e que depende da pesca para sobreviver.
Neste Núcleo também tem por graça possuir o Santuário de Nossa Senhora do Rocio que devido aos inúmeros milagres alcançados por intercessão dela, foi sendo propagado e espalhado a sua devoção ao povo do Paraná criando diversas romarias a este santuário. Assim, em 1977 o Papa Paulo VI declarou Nossa Senhora do Rocio com a Padroeira do Paraná.

11. NÚCLEO DE PARANAVAÍ
O núcleo de Paranavaí conta com a presença de várias congregações. A diversidade dos carismas tem sido uma grande riqueza para a Vida Religiosa local, uma vez que neste núcleo residem duas congregações de vida contemplativa, as monjas Carmelitas e Cistercienses. Além dos dois mosteiros existem no núcleo 09 comunidades femininas e duas masculinas. A programação da VR local consiste em 02 encontros anuais para formação, lazer e avaliação da caminhada. Rendemos graças a Deus, pelas Vida Consagrada que revela sua íntima relação com Deus, mostrando por meio de sua vida a beleza e a diversidade de carismas que mostram o amor terno de Deus. Agradecemos o testemunho de vida alegre e disponível a vontade do Pai, contribuindo na evangelização desta Igreja local. 

12. NÚCLEO DE TOLEDO
O Núcleo de Toledo pela CRB regional de Curitiba organizado pelos religiosos e religiosas iniciaram suas atividades no ano de 1974. Já se passaram 49 anos como CRB e com o mesmo ardor missionário as 17 congregações femininas e masculinas que se fazem presente nesta Diocese de Toledo, continuam sendo sinal do amor de Deus deixando um testemunho de vida coerente conforme os ensinamentos do evangelho.
A Vida Religiosa tem presença destacada na educação por meio dos membros da vida consagrada do Núcleo de Toledo, em vista da formação humana. Desde a educação básica ao ensino superior, existem belos exemplos de atividades e iniciativas pontuais e igualmente projetos e programas continuados com repercussão na sociedade. As instituições católicas de ensino presentes na Diocese de Toledo, acolhem os estudantes com o compromisso de educar para a vida. Já as demais congregações presentes nas pastorais, catequese, obras sociais e outras frentes, também realizam com muito amor e dedicação a missão do anuncio do evangelho aonde Deus permite que seja realizado o serviço com a presença da Vida Consagrada.

13. NÚCLEO DE UMUARAMA
No 1º de novembro de 1968 nasceu o núcleo de CRB de Umuarama, antes mesmo da constituição da Diocese o primeiro grupo reunido tinha a presença de 23 religiosos/as. O objetivo inicial foi o de promover maior entrosamento entre os religiosos/as, articular a coordenação dos trabalhos relacionados a pastoral da Diocese nascendo e proporcionar cursos de formação e espiritualidade a VR. Desde o seu início, o núcleo procurou promover reflexões atualizadas a partir das grandes questões da Igreja, como catequese renovada, Doc.  Puebla, opção pelos pobres... Atualmente o núcleo tem procurado promover a unidade entre os religiosos/as buscando ser sinal da presença de Deus para a igreja particular de Umuarama.

14. NÚCLEO DE PALMAS/FRANCISCO BELTRÃO
O núcleo de Palmas/Francisco Beltrão é constituído por 38 Comunidades Religiosas femininas e masculinas. Neste núcleo possui casas de formação, ou seja, seminários. Também temos a presença de 02 comunidades de Vida Contemplativa nas cidades de Pato Branco e Francisco Beltrão.
Que Deus abençoe todos os religiosos e religiosas deste núcleo que desempenham a sua missão nas pastorais, catequese, educação, movimentos e obras sociais de forma exemplar e missionária nestas terras onde ainda se encontra um povo sofrido, mas trabalhador e que luta pelo seu sustento diariamente. Agradecemos pela presença atuante da Vida Religiosa, que ilumina a vida de tantas pessoas, crianças, adolescentes, famílias e jovens em cada localidade que os consagrados/as com sua presença carismática faz a diferença no processo de evangelização. 

15. NÚCLEO PONTA GROSSA
O CRB – núcleo de Ponta Grossa iniciou suas atividades no ano de 1969, logo após as mudanças ocorridas por ocasião do Concilio Vaticano II. Durante estes anos de caminhada até os dias atuais os religiosos/as tem participado de forma expressiva das muitas atividades como encontros para estudo e aprofundamento, peregrinações junto aos acampados, caminhadas e celebrações. Isto tudo tem contribuído para que a intercongregacionalidade fosse assumida de forma significativa. A esperança é que quanto mais a Vida Consagrada sinta-se pertencente a CRB , juntos podemos unir as forças para revelar o amor terno e misericordioso de Deus nos mais variados cantos do Núcleo ao qual a os religiosos e religiosas se fazem presente.

16. NÚCLEO DE UNIÃO DA VITÓRIA
O núcleo da CRB de União da Vitoria nasceu oficialmente no dia 05 de junho de 1977, quando se reuniram 25 religiosos/as juntamente com o Bispo Diocesano Dom Walter Michael Ebejer, que coordenou esta primeira reunião.  A CRB Regional se fez representar através de Pe. Pelayo, o qual colocou a o grupo reunido, todo o funcionamento e objetivo da CRB como um organismo independente especifico, porém, voltado para a comunhão eclesial. Neste dia nomeou-se Pe. José Chimpanski, do clero diocesano, diretor espiritual do núcleo da CRB. Dois meses após a criação do núcleo elegeu-se a primeira diretoria. Durante o ano de 1999 e 2000, o núcleo parou sendo reativado no ano de 2001 com o apoio e incentivo do bispo diocesano. Atualmente o núcleo conta com 12 comunidades religiosas pertencentes a 08 congregações diferentes.

17. NÚCLEO DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS
No início este núcleo era um dos subnúcleos de Curitiba e por muitos anos fez caminhada com Curitiba. Mas, com o seu desmembramento da Arquidiocese de Curitiba, tornando-se assim oficialmente Diocese de São José dos Pinhais no dia 19 de março de 2007, dia de São José. A CRB Curitiba então propôs que este subnúcleo se tornasse neste mesmo ano Núcleo de São José dos Pinhais. Desde então toda a Vida Consagrada localizada no território desta nova Diocese passou a pertencer ao Núcleo de São José dos Pinhais.
O Núcleo além de ter uma Vida Religiosa composta por homens e mulheres comprometidos/as com Reino de Deus e sua evangelização é agraciado com duas comunidades de Vida Contemplativa. Louvemos a Deus por toda caminhada já realizada e que continua perpassando pela vida doada de cada consagrado e consagrada.

18. NÚCLEO DE CURITIBA
Endereço: Rua Paula Gomes, 703-3° andar. Bairro: São Francisco.
CEP. 805.10-070 – Curitiba-PR
Fone: (41) 3248-1520
WhatsApp institucional (41) 3248-1520
E-mail: crb@crbpr.com.br