Reunião On-line do Núcleo Jacarezinho

 
No dia vinte e sete de Março, às quatorze horas, tivemos a alegria de realizar a nossa reunião on-line. 

Ir. Érica (Coordenadora do Núcleo) fez a abertura, saudando e acolhendo cada participante. Em seguida, passou a palavra à Ir. Edna (Secretária do Núcleo), que fez menção à importância do momento que estamos vivendo e à oportunidade que temos para partilhar deste tempo precioso que Deus nos reservou para o nosso crescimento pessoal e comunitário. Logo após, Ir. Érica pediu para as Irmãs Dominicanas da Cidade de Wenceslau Brás, conduzir a oração inicial, e elas foram criativas, envolvendo nesta, todas as Comunidades do nosso Núcleo. Em seguida, Ir. Érica (Coordenadora) fez a acolhida ao Padre Marcos Paulo, ele se apresentou como Padre Diocesano e Fundador da Comunidade Proclamai, lembrou que é a primeira vez que fala com as Religiosas do Núcleo da CRB da Diocese de Jacarezinho. Ele, de forma simples e profunda, desenvolveu o tema:  “A Vida Religiosa nos dias de hoje!”.   A reflexão foi baseada em quatro pontos: 

Primeiro Mt 9, 9 - 13 (Chamado de Mateus: - Refeição com os pecadores!). Salientando que: Deus chama quem Ele quer, nos diversos lugares e nas variadas situações de nossas vidas. O Chamado de Deus é irrevogável e precisa ser correspondido por cada um (a) de nós!  

Em nossos dias, a Vida Religiosa se apresenta como uma “Escola de Santidade:” local de cura pela pedagogia das Obras de Misericórdia.  

Segundo Mc 11,20-26 (A figueira seca: Fé e oração). Ressaltando que: a fé é um dom de Deus, uma virtude sobrenatural infundida por Ele. Para crer, o homem e a mulher tem necessidade dos auxílios interiores do Espírito Santo. A oração é a elevação da alma a Deus!  Das “alturas” do nosso orgulho e vontade própria, ou das profundezas de um coração humilde e contrito:  Rezar é fazer-se íntimo de Deus! 

 A Vida Religiosa em nossos tempos é uma prática orante de fé, que nos ensina a perdoar com o mesmo perdão do Senhor! 
 
Terceiro Lc 10,1-6 (Missão dos setenta e dois discípulos). Com a Profissão dos Votos Evangélicos, o Senhor nos envia em missão;  

Por meio de uma oração de petição, devemos incansavelmente pedir novos membros para o Carisma ao qual nos consagramos!  

Entre os nossos contemporâneos, a Vida Religiosa se torna uma afronta justamente por vivermos a Castidade, a Pobreza e a Obediência, pela observância dos nossos Votos, somos “enviados no meio dos lobos”, para nos tornarmos mais e mais: promotores do Reino de Deus e da Paz! 

Quarto Jo 12,20-26 .  (Jesus anuncia a sua glorificação através da Paixão e Morte!). A glória dos batizados é de maneira esponsal, dos que adentram a Vida Religiosa! A grande proposta (desafio) é a Cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo, “Como o grão de trigo precisa morrer para dar seus frutos”, na vida comunitária quanto mais morremos para as nossas vontades, mais frutos ofertamos aos nossos irmãos e irmãs de Comunidade.

A Vida Religiosa nos dias de hoje, continua sendo uma vivência profética de desapego, renúncia e vaidades, pois a nossa vida não nos pertence mais, nós a perdemos quando assumimos a vida do Senhor, nos Votos Perpétuos. A partir daqui, a única honra que desejamos é a do Senhor. Nosso esposo! - Jamais a honra dos homens e mulheres desta terra!  -  Somos inteiramente do Senhor! E o Senhor, inteiramente nosso!

Assim, Pe Marcos Paulo, finalizou a sua fala: “O Convento deve se tornar o nosso Céu!   - (De olhos fixos para o Alto! Vamos nos despojando das coisas da terra!) 

 Irmã Erica, o agradeceu por esta eloquente reflexão. Em seguida, Padre Armando (Diretor Espiritual do Núcleo da C.R.B, da Diocese de Jacarezinho) agradeceu também ao Padre Marcos Paulo, dizendo que a presença dele e o seu testemunho em nosso meio é muito bom e que precisa voltar mais vezes.  

Logo após, Ir. Érica agradeceu e cumprimentou as Irmãs Madalena e Chiara, pela Celebração dos vinte e cincos anos de Vida Consagrada. Destacando a doação de ambas à Igreja, no incansável serviço ao próximo, como é do agrado e proposta do Senhor! 

 Concluímos assim este momento, com a meditação do canto: Eu seguirei, na voz da Ir. Maria de Fátima, da Congregação da Sagrada Família.  

Em seguida Ir. Érica orientou-nos, para fazer a Votação da Vice Coordenadora. Lembrou que a Tesoureira será eleita, no próximo encontro! 

Foi então, eleita a Vice Coordenadora: Irmã Maria de Fátima, da Congregação das Irmãs da Sagrada Família da Cidade de Joaquim Távora.  

E com as considerações finais da Coordenadora e a bênção do Pe. Armando, encerramos o nosso Encontro, gratas a Deus e felizes com o empenho participativo de cada um(a)! 
Nossa Senhora! Mãe dos Consagrados!   
Rogai por nós! 

 

 
Indique a um amigo
 
 
Notícias relacionadas